Conheça os principais serviços gratuitos de armazenamento em nuvem.

Dados - X

Atualmente é muito fácil e prático compartilhar e guardar seus arquivos, fotos e vídeos em um disco virtual. Praticamente todos os serviços na nuvem têm sua oferta gratuita.

Cloud Drive

A última plataforma a chegar no Brasil foi o Cloud Drive, da Amazon. O serviço oferece 5 GB de espaço gratuito e a possibilidade de sincronizar todo o conteúdo armazenado na sua conta com diversos dispositivos: de computadores a tablets e smartphones. Qualquer alteração feita a partir de um dispositivo também aparece quando o usuário acessa sua conta em outro aparelho. Legal também são os aplicativos do Cloud Drive para dispositivos móveis. Quem precisar de mais espaço, o Cloud Drive oferece 20 GB por 10 dólares ao ano ou até 1 terabyte, por 500 dólares anuais.

Conheça o Cloud Drive.

Google Drive

Disponível para todas as plataformas, mas com uma oferta um pouco mais agressiva, o Google Drive oferece 15 GB grátis para seus usuários. Para quem já tem uma conta no Gmail, basta acessar e pronto, sua conta de armazenamento na nuvem está ativada. Pagando dois dólares por mês (cerca de cinco reais), a capacidade de armazenamento aumenta para 100 GB. E se precisar de muito espaço você pagará 10 dólares, pouco mais de 20 reais, por 1 TB de memória. O serviço da Google é compatível com mais de 30 formatos de documentos. O Google Drive permite compartilhamento público ou privado de arquivos.

Conheça o Google Drive.

Dropbox

O Dropbox é um dos serviços de armazenamento na nuvem mais utilizados. Apesar de a oferta gratuita ser de apenas 2 GB, você consegue aumentar essa capacidade a cada amigo que convida para entrar na rede; assim, é possível atingir os 18 GB sem gastar um centavo. O pacote de 100 GB sai por 10 dólares por mês. O Dropbox permite o compartilhamento de pastas e arquivos com outras pessoas. Provavelmente o motivo de o Dropbox ser um dos serviços mais populares seja sua compatibilidade com muitas plataformas. Ao instalar o Dropbox no seu computador, o aplicativo cria uma pasta específica para compartilhamento. Quando seus arquivos são copiados para a pasta em qualquer PC configurado, eles são enviados imediatamente para os servidores do Dropbox e para as demais máquinas configuradas.

Conheça o Dropbox.

OneDrive

O serviço de compartilhamento da Microsoft o SkyDrive virou OneDrive. A oferta gratuita é de 7 GB. Para aumentar esse espaço, é preciso pagar uma mensalidade. Mas além do pacote grátis, dá pra ganhar 3 GB ao ativar a função de backup de fotos e mais 500 MB por cada amigo que convidar – com limite para 10 amigos. Só assim é possível chegar aos 14 GB sem gastar nada. Para quem quiser mais, os pacotes de 50, 100 e 200 GB custam respectivamente 12, 19 e 56 reais por mês. Assim como o Google Drive e o Dropbox, o OneDrive também oferece o compartilhamento público ou privado de arquivos com terceiros. Para quem usa o pacote Office, também da Microsoft, há ainda a possibilidade de editar os arquivos diretamente na nuvem. Aqui, também dá para compartilhar o conteúdo via Facebook e Twitter. Em dispositivos com sistema Android é possível fazer backup automático das fotos feitas no aparelho. O software do OneDrive é compatível com Windows e Mac OS; também há aplicativos para Android, iOS e, claro, Windows Phone.

Conheça o OneDrive.

iCloud

Um pouco diferente dos seus concorrentes, o iCloud é o serviço de armazenamento na nuvem da Apple. Apesar de ter menos recursos que os outros, a total integração com os produtos da Apple é a principal característica. O iCloud permite armazenar vídeos, fotos e músicas e ainda possibilita a sincronização de calendários e listas de tarefas. A princípio, o iCloud também oferece 5 GB de espaço gratuito. O bom é que graças à integração com a AppStore e a iTunes Store, todo conteúdo comprado nessas lojas não ocupa parte desses 5 GB, uma vez que já está armazenada nos servidores da empresa. Assim como outros produtos e serviços da Apple, o armazenamento também é um pouco mais caro. Para adquirir um HD virtual de 50 GB você vai pagar mais de 200 reais por ano.

Conheça o iCloud.